Atriz Nívea Stelmann se apresenta no Teatro Municipal de Sertãozinho
13/06/2017

voltar
Atriz Nívea Stelmann se apresenta no Teatro Municipal de Sertãozinho
A atriz Nívea Stelmann se apresenta no Teatro Municipal de Sertãozinho, com a comédia romântica “Dedo Podre”, no próximo dia 23, sexta-feira, às 21h / Foto: Divulgação

Uma boa sugestão para quem gosta de teatro: no próximo dia 23, sexta-feira, às 21h, a atriz Nívea Stelmann se apresentará no Teatro Municipal de Sertãozinho, com a comédia romântica “Dedo Podre”.

Na montagem, Nívea contracena com o ator Guilherme Boury, que apresentam uma peça divertida, que aborda uma das principais questões da mulher quando o assunto é relacionamento: o que é ter “dedo podre”?

A peça é baseada nas histórias reais de Nívea Stelmann e Lua Veiga, autoras do livro “Dedo Podre”, e traz a seguinte provocação: sabe quando as mulheres se moldam aos desejos dos homens, se transformam, quase perdem a identidade e, sem perceber, acreditam que elas têm algum problema crônico? Pois é; daí um dia, ela se pergunta: por que tantos desencontros nos relacionamentos?

Na adaptação, feita por Caroline Margoni, o texto propõe um misto de emoções que pretendem provocar no público a sensação de estarem diante de um espelho: o quanto somos parecidos com esses personagens e nem percebemos?

Com direção de Alexandre Contini, "Dedo Podre" chega aos palcos com uma montagem leve, divertida, mas ao mesmo tempo, que faz pensar. A ausência de “sorte” ao encontrar o parceiro ideal pode ser uma questão interpretada de várias maneiras. Se é que ele, o tal dedo podre, existe mesmo.

Os ingressos já podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro e na loja Pedrão PVC, pelos valores de R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia entrada). Outras informações: 3942-4115 ou 3475-9090.

O espetáculo, que tem produção e realização de Ikebana Produções, tem duração de 60 minutos e classificação indicativa a partir de 14 anos.


Fonte: Assessoria de Comunicação PMS
  • Imprima
    esse Conteúdo
  • Envie para
    um amigo
  • Compartilhar
    o conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •